quarta-feira, 24 de maio de 2017

Um amontoado de quereres.

Queria ser tendência nos teus lábios, no meio das tuas pernas, em cada mínima partícula do teu ser. Queria entrar nos teus poros, povoar tua mente, viver em teus olhos. Queria ser um pouco mais do que sou, queria ser teu tudo. Queria te fazer gritar de prazer e de amor e depois de prazer de novo, queria tuas unhas arranhando minha pele e minha boca mapeando teu corpo, queria teu peito batendo acelerado contra o meu. Queria sorrisos sinceros trocados em segredo. Queria viver em nossa bolha particular na escuridão de algum lugar qualquer mas também gritar em plena luz do dia e pulmões que agora somos nós e não mais eu e você. Queria ser quem você sempre procura quando sente que precisa e quem teus olhos achem ser mais bonita, - mesmo que não seja. Queria ser pra você, muito mais do que já fui e sou. Pena você não querer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário